Deco denuncia campanhas portuguesas no Black Friday

O Black Friday, ou Sexta-Feira Negra, foi o nome escolhido para a ação de vendas anual do retalho. Esta ideia surgiu nos Estados Unidos da América, mas sido adoptada por muitos outros países.

Em Portugal as empresas também aderiram ao Black Friday… mas será que os clientes fizeram mesmo bons negócios?


Deco denuncia campanhas portuguesas no Black Friday

Destaques PPLWARE

5 Respostas

  1. Rafael Cardoso diz:

    Eu não comprei nada, por que não tinha a necessidade. No entanto andei a ver preços e pouco de descontos, a maior parte dos descontos era de 10€.
    Não sei como é nos EUA, mas não me parece que façam aquela loucura toda por causa de poupar 10€.

  2. João diz:

    Na fnac aconteceu isso com vários (senão todos) os produtos. Por exemplo um SSD que na quarta feira custava 109.90 €, nos dias de black friday passou para 149,90 € e passou a estar à venda por 99.90 € com 35% de desconto.

  3. Joel Pereira diz:

    Eu próprio vi. Pois tinha identificado uma TV pra compra na Worten antes do Black Friday. Custava 139€.. Na black friday estava a mesma TV a 149€ com 20% desconto em talão.

  4. André diz:

    Bastava ter ido à FNAC / JUMBO / WORTEN
    É sempre a mesma cena !!!

  5. Antonio Santos diz:

    A minha experiencia tambem foi negativa neste sentido, no mes de setembro comprei uma TV LG por 999€ ao longo dos meses vi o preço da TV subir ao ponto de chegar aos 1539€, durante o black friday a TV ficou exactamente ao preço que a comprei 999€ com o devido desconto aplicado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

×